11 de mai de 2018

Fico sem graça quando…

Foto / Artur Rutkowski 

Olá manos a manas, tudo bacon vocês?

São poucas as coisas hoje em dia que me deixam sem graça, porém nem sempre foi assim, eu já fiz parte daquele seleto grupo de pessoas que tem vergonha de tudo. Não sei em que momento da minha vida eu fiquei tão pra frente, mas sou muito grata por esta mudança. No post de hoje eu vou citar algumas coisas que me deixam um pouco sem graça, cuja reação é só nos primeiros dois minutos, confira!

Quando alguém chama a minha atenção ou briga comigo em público - Se tem algo que me deixa muito sem graça é quando chamam minha atenção em público, sou da premissa de que se temos algo a resolver devemos fazer tudo em off, agora assim, se brigar comigo em público tem que enfrentar minha raiva em público também, não sou de fazer barraco (inclusive acho feio), eu fico sem graça por dois minutos e depois faço o outro passar uma vergonha pior, e pra isso não precisa de tapas ou gritos, é só falar as coisas certas!

Quando não lembro o nome das pessoas - Tem gente que apesar da gente falar todo dia, a gente acaba não pronunciando o nome da pessoa com bastante frequência e em determinados momentos a gente acaba esquecendo e lembrando somente alguns minutos depois, é normal. Mas eu fico muito sem graça quando não lembro, por que fico puta quando não lembram meu nome então é meio que minha obrigação não fazer o mesmo com os outros, fora que se a pessoa percebe que a gente não tá lembrando parece que a pessoa não é importante, enfim...

Quando derrubo coisas em restaurantes/eventos - Eu sou muito estabanada, então eu tento ter o dobro de atenção quando estou em determinados eventos e/ou locais pra não tropeçar em nada, não derrubar nada, não fazer nenhuma baguncinha. Raramente acontece de eu cometer uma gafe dessas por que sou muito cuidadosa MAS quando acontece, fico sem graça de verdade porém mantenho a pose e peço pra algum garçom ou qualquer pessoa próxima me ajudar a resolver o problema. Abstrair e fingir demência na maioria dos casos funciona.

Quando fico estressada e desconto em alguém sem querer - Eu não gosto de levar os meus problemas pra fora do meu quarto, tanto que nunca desconto meu estresse em amigo, família, marido (ex), colegas de trabalho, ninguém... Mas pelo menos uma vez no ano acontece aquele dia que o seu nível de estresse está alto e quando você menos percebeu você olhou pra alguém feio ou falou algo que não deveria, quando eu percebo que fiz isso eu me sinto muito sem graça de falar com a pessoa depois e sempre no meio dessa vergoninha eu acabo pedindo desculpas por que não gosto de tratar ninguém mal por conta de coisas que nem são culpa delas.

Quando eu percebo que tem alguém me encarando - Estou em um lugar e percebo que tem alguém me encarando, aí eu olho em outra direção toda sem graça, aí minutos depois sem querer dou de cara com a pessoa de novo e ela está lá me olhando daquele jeitão, eu continuo sem graça? Não! Olho pra pessoa com uma cara de pare com isso, na maioria das vezes resolve o problema. Como não estar comprometida é algo novo pra mim, acho que pra eu ficar trocando olhares com alguém só se eu tiver muito interessada, o que ainda não me ocorreu.

Quando me surpreendem - Surpresas de aniversário, abraços que eu não estava esperando de pessoas que eu não estava esperando, palavras que saem das bocas das pessoas em momentos e situações inapropriadas e me surpreendem me fazem ficar um pouco sem graça, apesar de amar ser surpreendida, quando a surpresa chega no momento errado e vindo da pessoa errada, eu posso ficar mais sem graça do que feliz.

E vocês, quais são as coisas que podem acontecer no dia-a-dia que fazem com vocês fiquem sem graça? Não saia sem comentar, a sua opinião é muito importante ♥ Quer sugerir um tema de post para este blog? É simples, basta clicar ali em cima na aba CONTATO e preencher o nosso formulário, vou adorar ler e atender a sua sugestão...

Beijo da Mana dos Pitacos

Nenhum comentário:

Postar um comentário