3 Músicas - Girl Power - brasileiras que você precisa ouvir

Adiciona esses hinos na tua harpa feminista e vamos cantar bem alto pra dar aquele toque bonito pros machistas de plantão de que a gente tá de olho!



Ultimamente eu tenho passado por umas situações um tanto quanto constrangedoras, e por mais que a gente tente não se afetar com alguns comentários machistas ou com esse monte de regras sobre como uma mulher deve ser e se portar que infelizmente ainda estão muito intrincadas nas mentes das gerações passadas e até da nossa geração, a gente acaba um momento ou outro se afetando sim, não somos de ferro, somos humanas, é normal, então pra esses momentos não tem nada melhor do que escutar músicas empoderadíssimas pra lembrar pra nós mulheres que nós somos incríveis, maravilhosas, poderosas, donas do nosso destino e escolhas, e principalmente temos o dever de mudarmos o mundo ao nosso redor e sermos exemplos para as próximas gerações. O machismo não vai nos inibir!





Desde a primeira vez que eu vi a Kell Smith pela primeira vez há alguns meses cantando Respeita as Mina no programa Legendários, eu fiquei encantada com toda essa mensagem de força e empoderamento que ela passa. Amo tanto o trabalho dela que já até indiquei uma outra música dela em outra playlist aqui no blog, e se ela continuar fazendo músicas tão legais e apaixonantes as indicações não vão parar nunca, assim espero ♥ Sente só o poder da letra que a moça fez:

O grito antes preso na garganta já não me consome, é pra acabar com o machismo, e não pra aniquilar os homens. Quero andar sozinha, por que a escolha é minha, sem ser desrespeitada e assediada a cada esquina. Que possa soar bem: Correr como uma menina, jogar como uma menina, dirigir como uma menina, ter a força de uma menina... Se não for por mim, mude por sua mãe ou filha!

 2





Pagu é o pseudônimo de Patrícia Rehder Galvão, a primeira mulher a ser presa no Brasil por motivações políticas, ela foi uma mulher cheia de talentos, escritora, poeta, diretora de teatro, tradutora, desenhista, jornalista e uma grande militante política brasileira; É considerada uma mulher a frente da época em que viveu (de 1910 a 1962) e a música é em homenagem a ela que foi uma figura que rompeu muitos protocolos.

Minha força não é bruta. Não sou freira, nem sou puta. Nem toda feiticeira é corcunda, nem toda brasileira é bunda, meu peito não é de silicone, sou mais macho que muito homem. Sou rainha do meu tanque, sou Pagu indignada no palanque.

3




E pra finalizar essa música maravilhosa da Marina Peralta que uma amiga me enviou ano passado quando estávamos envolvidas em uma exposição de fotografia que tinha por tema "Lugar de mulher é onde ela quiser" onde através das fotos nós queríamos conscientizar as pessoas da nossa cidade que o lugar da mulher na sociedade não tem nada a ver com títulos profissionais como "ser engenheira, ser médica" como a mídia mostra, mas que o nosso lugar está garantido a partir do momento em que a gente enquanto mulher lutamos, saímos de casa, fazemos o que tem que ser feito e não nos sentimos no dever de nos privarmos de tudo isso por termos uma figura masculina do lado, e que as mulheres que são feirantes, agricultoras, trabalhadoras domésticas também são exemplos pra outras mulheres.

Logo de início eu quero falar do respeito, essa mina do seu lado é mais que bunda e peito. Fugir desse assunto meu mano é uma vergonha, ou cê tá achando que nasceu de uma cegonha? [...] Só que seu corre é todo dia, sua luta é mais que grito, não dá asa pro fuxico, nem procura homem rico, um dia não votava, também não estudava, de casa ela saiu, pra rua foi armada... Armada de ousadia.

 Amém igreja? Gostaram dos nossos hinos de força e empoderamento? Gostei tanto de fazer esse post que em breve farei outros com o mesmo tema, que acham? Não quis colocar muitas músicas de uma única vez por que acho que fica cansativo e assim dá pra vocês aproveitarem mais ♥ Quer sugerir um post para este blog? Basta clicar na aba CONTATO ali em cima e preencher o formulário, é simples e fácil, e eu vou adorar atender as sugestões de vocês!

Beijos da Mana

Pin It
0

Nenhum comentário:

Postar um comentário