As pessoas não vão entender...


... E não há problema nenhum nisso, não é algo que deva te preocupar, afinal o seu caminhar é só seu, por mais que o mundo seja uma casa comum. A sua luta, a sua dor, as suas mazelas, assim como as suas alegrias e a felicidade vivenciadas são unicamente seus, só podem ser sentidos em essência por você, por isso que o outro jamais compreenderá o que você foi, o que você é e tudo o que você ainda vai se tornar. Seus amigos não compreenderão por que você tem que comer tudo separado, por que tacacá com arroz é tão apetitoso e por que você talvez adore se dar o trabalho de escrever em um blog que quase ninguém lê pelo simples prazer de comunicar - na maioria do tempo consigo mesmo.

Seus pais não vão compreender por que você escuta músicas tristes mas sorri o tempo inteiro, por que você odeia histórias de princesas sendo que seu maior sonho é encontrar o amor verdadeiro, ninguém vai entender as ideias loucas que lhe ocorrem durante a madrugada, os muitos planos pro futuro que não duram uma semana sequer, ou o por que dessa sua necessidade de deixar um rastro no mundo, uma marca em um alguém qualquer do melhor que existia dentro de ti. Não é todo mundo que entende poesia, muito menos arte abstrata, são poucos os que conseguem ler as entrelinhas dos textos. Tem gente que tem um pouco disso dentro de si, aquele sorriso melancólico que pede um abraço e no final quem sente conforto é quem se dispôs a confortar, nada disso é tarefa simples para se compreender, e raramente alguém se dá o trabalho de pelo menos tentar.

A galera da faculdade não vai entender por que você sabe um pouco sobre tudo, e muito sobre nada. Por que chora sem motivo aparente, por que se abraça apertado tentado juntar os pedaços que ninguém quebrou. Por que odeia a solidão, se rodeia de amigos e depois conta os minutos pra ficar sozinho novamente, e repete todo esse ciclo rotineiramente. As pessoas não vão compreender essa ânsia por liberdade, de sair, ver o mundo, dançar na chuva, rir com um desconhecido qualquer. As pessoas não vão entender, e tudo bem, ninguém nasce pra ser compreendível, o nascer é um processo e durante a vida nascemos e renascemos muitas vezes conforme a necessidade, em cada ser humano a um artista cênico, pois a cada virar do relógio e mudança de calendário nos tornamos um eu diferente e isso tem a ver com o quanto de nós decidimos mostrar e esconder... A mensagem do eu nunca será repassada com precisão.

Tem a ver com a explosão de individualidade que todos nós somos, com todas as máscaras que insistimos em vestir... E tem muito mais a ver com entender-se, aceitar-se, amar-se e principalmente não encaixar-se nas expectativas de um outro ser humano qualquer, afinal não nascemos para isso. Pode ser doloroso no começo, mas agradeça pelas pessoas não compreenderem os seus motivos, o seu jeito de viver e de fazer as coisas, afinal não é todo mundo que tem sensibilidade pra ler poesia e você não é obrigado a ser a personificação do óbvio, se eles não entendem, agradeça aos céus por essa magia e mistério que existem em você... Toda essa bagunça faz parte do quão único você é, e você é incrível!

Beijos da Mana

Pin It
0

Nenhum comentário:

Postar um comentário